Manuel Guerra Pinheiro

“l’art de la table” num estranho conjunto de “naturezas mortas”

Óleos da Escola Portuguesa a representar uma diversidade gastronómica com abrangência pouco habitual, quer pelas categorias em que se dividem quer pelos elementos que as compõem.

Receita a experimentar