Jornal de Negócios

Preço do cabaz de bens essenciais alivia, mas desde a guerra aumentou 22 euros

O preço de um cabaz de 63 bens alimentares essenciais, monitorizado pela Deco Proteste, diminuiu 1,95 euros entre 11 e 18 de maio para 205,26 euros

Inflação na alimentação é a mais sentida

A esmagadora maioria das famílias declara que já sente a inflação e a maior fatia indica que é na alimentação que os preços mais sobem, conclui o barómetro de maio da Intercampus para o Negócios, CMTV e Correio da Manhã.Questionados sobre se já sentem o aumento de preços, quase todos os inquiridos (97,5%) respondem que sim.

Restaurantes querem o regresso do uso obrigatório de máscara

A associação representativa dos restaurantes teme que a propagação de novos casos de covid-19 agrave ainda mais a escassez de mão-de-obra que assola o setor.

Mais de 4 biliões de dólares são gastos em vinhos falsificados em todo o mundo

O vinho tem vindo a crescer como um dos investimentos mais lucrativos nos dias de hoje e é transacionado mundialmente com enorme frequência, o que começa a tornar cada vez mais importante a garantia da autenticidade dos vinhos raros.

Vinhos: “Há risco de produtores terem de vender o negócio”

Se os produtores não conseguirem refletir no preço dos vinhos a subida dos custos de produção e não tiverem uma solução para os embalar e colocar no mercado, a viabilidade do negócio está em causa

Pedro Maia abre Biferia nos Clérigos e matura mais três restaurantes

Após cinco anos a abrir restaurantes em Vila do Conde e na Maia, o empresário instala na Baixa do Porto uma casa de carnes maturadas

Foodtech: uma revolução alimentar em curso

O processo de produção, confeção e distribuição de alimentos está a protagonizar uma revolução tecnológica que promete mudar o modo como comemos.

Vinhos de luxo são líderes no mercado de investimentos

O mercado para bens alternativos explodiu na última década em particular. De cartões de colecionador a antiguidades, de ténis a carros clássicos.

Cais da Pedra renova carta com iguarias de Henrique Sá Pessoa

Escondido entre os grandes armazéns de aspeto industrial à beira do rio encontramos o restaurante Cais da Pedra, ponto de encontro dos pratos mais apreciados da gastronomia portuguesa e dos cocktails com o design mais criativo.

Reaproveitar para diminuir o desperdício na restauração

Em Portugal, todos os anos cerca de um milhão de toneladas de alimentos vão parar ao lixo. São cerca de 20 a 30 quilos de alimentos por pessoa que são desperdiçados. E, embora os dados indiquem que a maioria do desperdício é verificado na casa de cada um, a restauração tem um papel muito importante a desempenhar na diminuição do desperdício alimentar.

Receita a experimentar