Fábrica de pão de Rio Maior afetada por incêndio retoma laboração esta semana

A experimentar

A Panificadora Costa e Ferreira, onde na quarta-feira deflagrou um incêndio, informou que a laboração irá ser parcialmente retomada esta semana e que dispõe de ‘stocks’ para responder às encomendas de pão de Rio Maior.

Em comunicado, a Sociedade Panificadora Costa e Ferreira informou que “já regressaram ao trabalho várias equipas técnicas” e que a atividade de produção será retomada na próxima semana “de forma parcial, na zona da produção não afetada pelo incêndio”.

A fábrica, localizada na localidade de Alto da Serra, no concelho de Rio Maior, no distrito de Santarém, foi na quarta-feira parcialmente destruída por um incêndio que lavrou por várias horas e que foi combatido por mais de seis dezenas de bombeiros de várias corporações da região.

Dos 240 trabalhadores da empresa, 94 foram retirados das instalações, tendo três sido assistidos por inalação de fumos, informou na altura o comando sub-regional da Proteção Civil da Lezíria do Tejo.

No comunicado enviado à agência Lusa, a Sociedade Panificadora Costa e Ferreira esclareceu  ter “stock de produto, que estava armazenado num parceiro da empresa, e que não tendo sido afetado pelo incidente permite continuar a responder a encomendas de clientes”, uma vez que “a segurança alimentar desse stock não foi comprometida”.

A empresa aguarda ainda “o relatório de peritagem” para avaliar os prejuízos e a extensão dos danos provocados pelas chamas, mas, segundo a administração, tem já “autorização da Câmara Municipal de Rio Maior para avançar com instalações provisórias de forma a ajustar o edifício para maximizar a capacidade de produção nas várias partes não afetadas”.

No comunicado, em que garante que irá “reconstruir a principal unidade e sede” da empresa, a Sociedade Panificadora Costa e Ferreira diz ainda estar “a progredir na retoma da atividade, desenvolvendo todos os esforços” para que todos os trabalhadores possam regressar “às suas funções o mais rapidamente possível”.

A Sociedade Panificadora Costa e Ferreira é, desde 1990, responsável pela produção do Pão de Rio Maior, o primeiro produto do setor da panificação a ser certificado em Portugal.

Conta com 240 trabalhadores e um complexo de fabrico de 85.000 metros quadrados, onde são produzidos pães para os mercados nacional e internacional.

Últimas