Preço da carne sobe 3,3% num ano na UE com porco a ter o maior aumento

A experimentar

O preço da carne na União Europeia subiu 3,3% em fevereiro face ao mesmo mês do ano passado, com a carne de porco a registar o maior aumento, de acordo com dados hoje divulgados pelo Eurostat.

Na média dos 27 Estados-Membros, o preço da carne de porco teve o maior aumento, de 5,7%, à frente dos registados na carne de borrego e de cabra (+4,5%) e da carne bovina (+3%).

Por outro lado, o preço da carne de aves caiu 1,6% face a fevereiro de 2023.

As maiores subidas foram na Bulgária (+8,2%), Roménia (+7,7%) e Croácia (+7,1%) e as maiores descidas na República Checa (-5,1%), Finlândia (-2,2%) e Dinamarca (-0,6%).

Em Portugal, o aumento homólogo do preço da carne foi de 1,6% em fevereiro, tendo sido de 2,2% em janeiro.

Segundo os dados do organismo de estatística europeu, nos últimos três anos, as taxas de inflação homóloga da carne mais elevadas foram registadas entre abril de 2022 e março de 2023, com taxas de variação superiores a 10%. A maior taxa foi registada em fevereiro de 2023, quando o preço foi 17,3% superior ao de fevereiro de 2022.

O aumento, em termos homólogos, dos preços da carne bovina, de vitela, de cordeiro e de cabra mantiveram-se abaixo de 15% durante os últimos três anos.

Últimas