Um branco de perfil audaz

A experimentar

Não é uma nova referência mas sim uma filosofia que vem no seguimento do posicionamento da marca. O Taboadella Grande Villae branco da colheita de 2021 chega ao mercado com um novo lote mais irreverente e uma nova imagem com a assinatura do reconhecido designer Eduardo Aires.

Desde que foi lançada pela primeira vez há seis anos, a marca Grande Villae, da Quinta da Taboadella, em Silvã de Cima, no coração da Região Demarcada do Dão, assumiu-se como um grande vinho, resultado do trabalho de uma equipa de viticultura e enologia de excelência que tudo fizeram para produzir a melhor qualidade. Actualmente, o objectivo é o mesmo, mas o perfil deste branco surge agora mais audaz: «Era impossível fazer este vinho no início do projecto da Taboadella. O antigo lote era mais clássico mas, entretanto, com a visibilidade e o alcance do posicionamento da marca, fazia sentido dar-lhe um toque de inovação que é, acima de tudo, dada pelo cimento, a nossa grande aposta, um caminho de diferenciação e qualidade que assumimos na produção dos nossos vinhos. E também pela casta, o vinho agora é elaborado com 100% de Encruzado de várias origens», explica a produtora e CEO da Quinta da Taboadella, Luisa Amorim. «A delicadeza do Encruzado é evidenciada através do seu estágio em cubas cimento, mas o vinho também estagiou em madeira e em garrafa pelo menos dois anos, antes de ser lançado para o mercado. O tempo permite uma melhor integração dos seus componentes, faz com que tudo fique mais harmonioso», afirma ainda a produtora.

Dos 42 hectares de vinha existentes na Quinta da Taboadella, 2,5 hectares são de Encruzado de vinhas velhas e outros 8 plantados mais recentemente pela nossa equipa.

Continue a ler o artigo em Maria João de Almeida.

Últimas