“Seremos Radicais na Defesa da Biodiversidade e da Sustentabilidade” – Presidente eleito da Direção da AGAVI, António de Souza-Cardoso

A experimentar

A AGAVI – Associação para a Promoção da Gastronomia Vinhos Produtos Regionais e Biodiversidade inicia agora um novo mandato eleitoral de 4 anos.

Através do lema “Fazer o Novo”, a associação demonstra no seu Manifesto Eleitoral uma grande ambição, consciente do valor cultural e económico que a gastronomia e os territórios do vinho têm, além de setores igualmente relevantes como o turismo, a indústria do mar, o ambiente ou a saúde.

A AGAVI conta agora com nomes como Luís Miguel Ribeiro como Presidente da Assembleia Geral, António de Souza-Cardoso e Luís Correia de Sousa como Presidente e Vice-Presidente Executivo da Direção; Miguel de Sousa Otto como Presidente do Conselho Fiscal e Armindo Monteiro como Presidente do Conselho Superior. Também estão no elenco de órgãos Sociais Nacionais e Regionais nomes como Luís Valente de Oliveira, Miguel Poiares Maduro, João Pedro Matos Fernandes, Arlindo Cunha, Rui Zink, Beatriz Machado, Hélio Loureiro, Vasco Coelho Santos, Luís Sottomayor, Manuel Serrão e Lígia Santos.

No manifesto apresentado é sublinhada a relevância crescente do setor agro-alimentar na economia portuguesa e a importância da gastronomia e o vinho na indústria do turismo.

António de Souza-Cardoso, presidente eleito da Direção da AGAVI, afirma que “Somos da Terra e do Mar”. Lutar pela defesa da Dieta Mediterrânica e Dieta Atlântica também é um dos objetivos da AGAVI, que vai promover já em maio uma edição da Melting Atlantic Week dedicada à cultura e vocação Atlântica, com a primeira Entronização da Confraria dos Embaixadores da Dieta Atlântica.

“Seremos radicais na defesa da biodiversidade e da sustentabilidade”, afirmou António de Souza-Cardoso. A associação, que quer defender a sustentabilidade e a investigação e desenvolvimento de uma “inteligência artificial naturalmente monitorizada”, está a preparar diversos projetos que passam pelas estratégias europeias do “Farm to Fork” e pela organização da primeira feira “Food To Be”.

Últimas