https://images.impresa.pt/expresso/2023-08-24-Reserva-Alecrim.jpg-ff4298b6/1.91x1/mw-1200?outputFormat=jpeg

Com praia exclusiva, casas sustentáveis são novidade de verão em glamping resort da costa alentejana

A experimentar

https://images.impresa.pt/expresso/2023-08-24-Reserva-Alecrim.jpg-ff4298b6/1.91x1/mw-1200?outputFormat=jpeg

Seja a dois, numa romântica cúpula sob as estrelas perfeita para namorar ao luar, ou em família, acampado numa verdadeira tenda de safari, as experiências são muitas e diversas as experiências disponíveis neste que é o primeiro “glamping boutique resort” da costa alentejana. A Reserva Alecrim Eco Suites & Glamping Boutique Resort aproveita a localização, entre a serra e o mar, para oferecer a influência da natureza, em geral, e do mar, do sol e das estrelas, em particular, a cada hóspede, para que regresse a casa “energizado”. A pouca distância de Santiago do Cacém e de várias praias de referência, como Melides ou Santo André, o projeto instalou-se, com consciência ambiental, em 28 hectares “completamente preservados com a fauna e flora locais de sobreiros, oliveiras e pinheiros, com estevas e alecrins no meio”.

Reserva Alecrim

É, assim, em plena comunhão com a natureza que se distribuem 45 alojamentos (a partir de €200) cuidadosamente “plantados” por diversas áreas da propriedade, onde existem vários lagos, um dos quais indicado para a prática de stand-up paddle, várias piscinas, abertas 24 horas, incluindo uma biológica e outra no interior de uma enorme dome, de onde se avista o mar, parque infantil, e vários trilhos para caminhadas ou para pedalar. A piscina biológica, uma das primeiras em Portugal, conta com área relvada em redor e vários decks privados para que “possa estar com todo o isolamento necessário”. Conte ainda com uma área lounge para assistir ao por do sol e o restaurante Mago do Foggo, com uma oferta variada, entre a brasa e o forno, e onde se destacam os produtos da horta. Este verão, há também uma tenda para refeições mais descontraídas junto ao lago principal. Aproveite para conhecer a pequena produção de vinho biológico “Desapego”, assista à preparação do pão e fique atento ao calendários de atividades para o corpo e mente, entre meditação, ioga ou massagens.

Continue a ler o artigo em Expresso.

Últimas