Crítica de Fernando Melo: Nunes Real Marisqueira, em Lisboa

A experimentar

A Nunes Real Marisqueira mudou-se para uns metros adiante, está concluída a migração mais aguardada da cena restaurativa lisboeta. A primeira visita mostra o inteiramente novo, as seguintes asseguram-nos estar na casa de sempre.

A cozinha e os chefs Manuel Costa e João Araújo mais expostos e ainda bem; a novidade da barra, confiada a João Silva; a sala entregue aos biónicos Ramos Breda, Márcio Cerqueira e Vitor Martins; e o espaço privado são as principais novidades da nova Nunes. O imenso aquário cria atmosfera marisqueira e é um elemento relaxante que puxa a lazeira. Coreografia de sala muito bem ensaiada, Miguel a dividir-se por bastantes mais mesas, a sua mulher Vanda numa liderança discreta e eficaz, conhece bem a clientela.

Continue a ler o artigo em Evasões.

Últimas