Itália, Portugal, França juntos para promover o arroz Japonica europeu

A experimentar

Ente Nazionale Risi, órgão público económico nascido para monitorar e sustentar o setor do arroz italiano, Casa do Arroz – Associação Interprofissional do Arroz (CdA), Associação Interprofissional Portuguesa da Cadeia de Distribuição do Arroz e o Sindicato dos Orizicultores da França e Cadeia de Distribuição (SRFF), criado com o objetivo principal de promover a cadeia de distribuição de arroz francesa são os parceiros do projeto ARROZ EUROPEU, financiado com o suporte da União Europeia, nascido para difundir e promover o arroz Japonica europeu.

A produção de arroz na Europa, que se identifica exatamente com o tipo Japonica, corresponde a 0,4% da produção mundial, mas a 77% da orizicultura da União Europeia. A produção comunitária do arroz Japonica, em particular, comparada-se com as variedades originárias do sudeste asiático, apresenta uma qualidade superior a nível organolético e de segurança alimentar, além de que em termos de sustentabilidade: a sua produção ocorre com técnicas agronómicas que garantem a salubridade. O arroz europeu não é só elemento da mais saborosa e genuína tradição gastronómica, é um verdadeiro património culinário, uma excelência única, que o projeto ARROZ EUROPEU pretende suportar em particular nos maiores países consumidores de arroz na União Europeia, ou seja, Itália, Portugal, França e Alemanha.

Continue a ler o artigo em TecnoAlimentar.

Últimas