Oito restaurantes para conhecer em Braga na Semana Santa

A experimentar

Dos clássicos aos de inspiração internacional, a cidade de Braga, tem uma gastronomia singular, rica e diversificada. Faça uma peregrinação por estes verdadeiros templos de boa comida.

Conhecida como cidade dos Arcebispos, Braga é também considerada uma das cidades mais felizes da Europa, e nos dias que antecedem a Páscoa, multiplicam-se as iniciativas de cariz religioso. Mesmo para os não crentes, é sempre uma alternativa de passeio no fim de semana prolongado. Siga estas sugestões, a maior parte delas, incluídas na edição de 2022 do guia Boa Cama Boa Mesa, nas bancas desde 8 de abril e que pode adquirir AQUI ou contactar através do Tel. 214698801 (dias úteis das 9h00 às 19h00 e sábados das 9h00 às 17h00). O guia Boa Cama Boa Mesa 2022, que conta com o apoio do BPI e do Recheio, custa €18,90.

Arcoense

Arcoense

Arcoense

Usam-se produtos da terra e da própria casa, como o porco Bísaro, servido em “Rojões” ou no “Cozido à portuguesa”. A missão de apresentar a tradição cumpre-se com a frescura do pescado, da “Cataplana de robalo com amêijoa” ao “Polvo grelhado em molho verde”. Considere ainda os mariscos e o “Cabrito pingado”, que também chega à mesa em “Chanfana”. Em ambiente moderno e confortável, o serviço do restaurante Arcoense é simpático e certeiro nas sugestões da garrafeira. Termine com “Barriga de freira”. Preço médio €30.
Rua Engenheiro José Justino de Amorim, 96, Braga. Tel. 253 278 952

 

Augusta

O espaço e a decoração são modernos, mas a arte de bem cozinhar no restaurante Augusta advém dos longos anos desta família dedicados à restauração (fundou o Torres, em Vila Verde). O nome homenageia a matriarca, responsável primeira pelos sabores tradicionais, que recebem, aqui e ali, um toque de inovação dos filhos. O “Bacalhau à Augusta”, o “Lombo de boi com broa” e o “Cabrito assado” são imperdíveis. Há ainda o “Naco folhado” e a “Alheira de perdiz” e, no fim, a “Trouxa cremosa” e o “Travesseiro”. Preço médio €20.
Rua do Fojo, 84, Braga. Tel. 253 676 437

Cozinha da Sé

Cozinha da Sé

Continue a ler o artigo em Expresso.

Últimas