AHRESP aponta redução de impostos como prioridade para próximo Governo

A experimentar

Os setores da hotelaria e restauração consideram que a principal prioridade para o próximo Governo deve ser a redução de carga fiscal, com 70% dos inquiridos a destacar esta questão, segundo um barómetro realizado pela associação AHRESP.

Assim, de acordo com o barómetro, divulgado hoje pela Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), para “70% dos inquiridos (órgãos sociais da associação) que responderam, na maioria micro e pequenas empresas, reduzir a carga fiscal é a medida mais relevante que o próximo Governo deverá tomar”.

O inquérito concluiu ainda que “a promoção de medidas de capitalização das empresas e apoios à tesouraria aparece como a segunda medida prioritária, para 20% dos respondentes, seguida da promoção de campanhas de incentivo ao consumo, defendida por 10% dos inquiridos”, referiu a AHRESP, numa nota.

Continue a ler o artigo em O Minho.

Últimas