Madeira, Moscatel ou Porto? Conheça os mais exclusivos – e caros – vinhos portugueses

A experimentar

São vinhos únicos e singulares e o preço reflete a exclusividade. Madeira raros, vinhos do Porto que envelheceram mais de 100 anos ou moscatéis centenários são alguns dos mais incríveis – e caros – vinhos portugueses. Para conhecer e saber mais no guia dedicado aos vinhos generosos e tendências, oferecido este sábado com o Expresso.

Do favorito do Czar, uma raridade proveniente da ilha do Pico, aos vinhos do Porto e Moscatéis com mais de cem anos, estes vinhos portugueses incomuns podem custar mais de €6000.

Quinta do Noval Vintage Port Nacional 1963
Quinta do Noval
Douro
€6123
Considerado um dos melhores do Mundo, este Porto Vintage, de carácter excecional, foi feito a partir de uvas vindimadas na parcela de 1,6 hectares da quinta, situada em Vale de Mendiz, onde prevalece uma vinha de pé-franco, das poucas que resistiram à filoxera no Douro.

Honore
Quinta do Crasto
Douro
€5.500
Este Vinho do Porto Tawny, feito a partir de lotes de colheitas anteriores a 1918, tem mais de 100 anos. É uma edição limitada a 400 garrafas desenhadas e produzidas exclusivamente pela Vista Alegre, para esta série de luxo, número esse que representa também os anos desta casa duriense.

Taylor’s Single Harvest 1896

Continue a ler o artigo em Boa Cama Boa Mesa.

Últimas