Empresários da restauração pedem reforço de verbas do programa Adaptar Turismo que esgotou em dois dias

A experimentar

A elevada procura e a “insuficiência dos fundos” dotados para o programa obrigaram ao encerramento das candidaturas em apenas dois dias. A AHRESP reporta também “dificuldades no acesso” à candidatura.

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) pediu esta terça-feira o reforço urgente do programa Adaptar Turismo, cuja dotação esgotou em dois dias, marcados por dificuldades no acesso à plataforma para submissão de candidaturas.

“Após a abertura de candidaturas a 21 de outubro, no dia 22 de outubro pelas 19h00, o Turismo de Portugal veio anunciar o encerramento das candidaturas ao programa Adaptar Turismo, devido ao esgotamento da dotação orçamental prevista”, começou por explicar a associação, no seu boletim diário.

Face à elevada procura, a secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, anunciou, na sexta-feira, o reforço da dotação do programa em cinco milhões de euros.

Continue a ler o artigo em Observador.

Últimas