“Oportunidade perdida.” OE está “muito longe de ajudar empresas” do setor da restauração

A experimentar

Para a Associação Nacional de Restaurantes, “o momento certo para baixar o IVA da restauração era este”. Daniel Serra lamenta que o governo tenha optado por não o fazer e critica também a taxa “bastante exagerada” de 0,30 euros sobre as embalagens descartáveis.

Daniel Serra, representante da Associação Nacional de Restaurantes (Pro.var), afirma que o Orçamento do Estado 2022 é “uma oportunidade perdida” e reserva “um futuro muito preocupante” para o setor da restauração.

“Este Orçamento do Estado está muito longe de ajudar as empresas, especialmente as empresas do setor da restauração que tanto foram fustigadas com a pandemia e isto é uma oportunidade perdida. Nós entendemos que o momento certo para baixar o IVA da restauração era este, o governo optou por não o fazer. Lamentamos muito que não tenha sido esta a opção do governo”, admite, em declarações à TSF.

Últimas