Preços mundiais dos alimentos recuperam em agosto

A experimentar

 Os preços mundiais dos alimentos recuperaram em agosto, após dois meses consecutivos de queda, impulsionados por aumentos significativos nos preços do açúcar, trigo e óleos vegetais, conforme divulgado pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

Assim, os preços ficaram em agosto numa média de 127,4 pontos, ou seja, 3,1% a mais que em julho e 32,9% a mais que no mesmo mês em 2020.

Subidas acentuadas

O preço do açúcar subiu 9,6% em relação a julho, devido à preocupação com os danos causados pelas geadas ao cultivo do Brasil, maior exportador mundial de açúcar.

Continue a ler o artigo em TecnoAlimentar.

Últimas