No Cantinho Tio Júlio, em Guimarães, há comida de tacho e pregos no pão

A experimentar

O legado de uma das tascas mais conhecidas de Guimarães passou para o Cantinho Tio Júlio, um restaurante onde aos afamados pregos se junta comida de tacho, caseira, em doses generosas e a preços simpáticos.

Existe a Tasquinha Tio Júlio e o Cantinho Tio Júlio. A primeira, na rua de Couros, é há 40 anos morada de um famoso prego no pão, poiso de locais e forasteiros e lugar de convívio dos adeptos do Vitória, mas onde qualquer outra cor é igualmente bem-vinda. O segundo é o legado passado de geração.

Ao comando do Cantinho está o filho do “Tio Júlio”, Marco Novais, que cresceu atrás do balcão do negócio de família e decidiu abrir um espaço seu, homenageando o pai. “Não me via a fazer outra coisa. Cresci dentro do café, era quase impossível fugir a isto”, diz. Aqui também há prego no pão. A carne é a mesma, bife do lombo tenro e suculento, e a preparação segue os trâmites da casa-mãe.

Continue a ler o artigo em Evasões.

Últimas