Drogaria recebe o verão na Lapa com nova carta e esplanada recatada

A experimentar

Dois anos depois de abrir numa sossegada rua da Lapa, o Drogaria brinda ao verão com uma nova carta onde cabem bruschettas de sardinha, carapau alimado, gyozas de cozido à portuguesa, o polvo com batata-doce e a tigelada. À frente da cozinha está agora Daniel Sousa, jovem chef com passado em casas Michelin.

É de memória que se tem construído o percurso do Drogaria, o restaurante que abriu há dois anos numa tranquila rua da Lapa, em Lisboa, e que ressurge neste verão com novidades. Não só pela história do espaço – onde já funcionou uma drogaria e um armazém de móveis, do qual se recuperou um antigo armário para a atual decoração – mas também pela própria ligação de Paulo Aguiar ao bairro. “Era aqui que eu brincava na rua, em criança”, recorda o proprietário, que decidiu regressar às origens depois de ter passado temporadas pelo Sudoeste Asiático e em Timor-Leste.

Continue a ler o artigo em Evasões.

Últimas