https://s3.observador.pt/wp-content/uploads/2021/07/29112333/horta-22.jpg

A maior horta urbana do país é sustentável, solidária e está no topo de um telhado em Matosinhos

A experimentar

https://s3.observador.pt/wp-content/uploads/2021/07/29112333/horta-22.jpg

No telhado da Porto Business School nasceu uma horta urbana com um sistema de rega sustentável. Serão colhidas três toneladas de alimentos por ano, distribuídos pela escola e por várias instituições.

Aberta desde 2013, em Matosinhos, a Porto Business School assume-se como uma escola sustentável. “Todo o edifício foi desenhado a pensar nisso, temos um consumo de energia muito baixo, não utilizamos papel, aproveitamos a água da chuva para saneamento e temos carregadores elétricos para veículos”, explica ao Observador o professor Gonçalo Guerra.

O telhado do número 425 da Avenida Fabril do Norte estava inutilizado, sendo apenas povoado por gaivotas, e um colaborador que tinha terminado um programa de gestão e sustentabilidade teve a ideia de ali instalar uma horta urbana para rentabilizar o espaço.

Continue a ler o artigo em Observador.

Últimas