Vinhos do Tejo apostam na Polónia e Rússia

A experimentar

Os Vinhos do Tejo têm feito uma grande aposta na promoção – e consequente presença – nos mercados externos, através de ações concertadas entre a Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo) e os agentes económicos da região, com suporte da consultora Wine Intelligence, que, através de estudos de mercado, ajudou a apontar o caminho. Começaram por identificar, em 2014, seis mercados estratégicos, trabalhados entre 2014 e 2020. Para este ano, e tendo em conta todas as condicionantes ao nível das viagens e dos eventos, é reforçada a promoção na Polónia e estreia-se o mercado russo.

A Polónia é, atualmente, o mercado mais importante para os Vinhos do Tejo, seguindo-se o Brasil, onde as vendas duplicaram em 2020. Por isso mesmo, são países onde a promoção tem acontecido, in loco, mesmo em tempos de pandemia. Algo possível devido à estratégia da CVR Tejo, que elegeu parceiros locais para desenvolver a promoção de forma mais efetiva. Esta foi também a “fórmula de sucesso” implementada na Rússia.

Continue a ler o artigo em Revista de Vinhos.

Últimas