Três experiências para celebrar o Dia do Piquenique

A experimentar

Petiscos, ar livre e belas paisagens. Uma conjugação vencedora, para saborear nestes três programas, a propósito do Dia Internacional do Piquenique, que se assinala na próxima sexta-feira, dia 18.

Junho convida a fazer piqueniques, que podem ser improvisados na hora, cuidadosamente preparados ou até encomendados a terceiros – há quem trate de tudo, dos petiscos e bebidas à decoração. Não faltam bons locais para pôr a mesa em ambiente natural, e vale a pena lembrar algumas dicas para que a experiência seja a melhor possível. Melhor ainda é juntar-lhe uma escapadela. Eis algumas sugestões:

#1 Quinta de S. Luiz, Tabuaço

Sabores tradicionais e vinhos numa quinta do Douro

É na Quinta de S. Luiz, em Adorigo, freguesia do concelho de Tabuaço, que nascem os vinhos da mais antiga casa de vinho do Porto: a Kopke, fundada em 1638, ainda antes de a região ser oficialmente demarcada. A propriedade do grupo Sogevinus, que também detém outras marcas, como Cálem, Burmester, Barros ou Quinta da Boavista, reabriu aos visitantes em maio, com uma nova proposta: fazer um piquenique com vista para o Douro, combinando os vinhos da casa com sabores regionais.

Continue a ler o artigo em Evasões.

Últimas