Cisca Massala, os molhos e temperos da concorrente de Hell’s Kitchen

A experimentar

Projecto criado por Francisca Dias e pela mulher Tânia Semedo aposta na comercialização de molhos e temperos caseiros. Há desde mostarda a conservas mais elaboradas.

Em casa, Tânia Semedo, contabilista de profissão, não se costuma aventurar na cozinha. É a mulher Francisca Dias, chef de cozinha e concorrente do programa Hell’s Kitchen, da SIC, que trata do assunto e que, com os seus temperos, “consegue dar a volta aos sabores dos verdes” que tanto lhe custam comer. Depois de reflectir, o casal chegou à conclusão de que poderia “ser engraçado fazer chegar às pessoas estes temperos muito específicos”. E assim nasceu a Cisca Massala – um projecto de venda de conservas e temperos caseiros “onde o tradicional português e do mundo se encontram”.

O nome, esse, surgiu do termo carinhoso com que Tânia trata a mulher. O acrescento da palavra ‘massala’ justificou-se, pois diz respeito “à mistura de temperos e de ervas aromáticas” que se encontra no sudeste asiático e que são sempre diferentes, explica Tânia Semedo. Lançado há mês e meio, depois de ter passado pelo crivo dos amigos mais próximos e familiares, estes pós, molhos e conservas “foram pensados para serem utilizados sem a necessidade de acrescentar mais nenhum tempero”.

A oferta está dividida em molhos, temperos e conservas. Mostarda caseira com mel (3,50€/110g), hummus com beringela queimada (3,50€/120g) ou molho barbecue caseiro (4€/110g) são alguns dos molhos que tanto podem ser adicionados a um cozinhado ou servir como complemento a qualquer snack.

Continue a ler o artigo em Time Out Lisboa.

Últimas