3 feiras online para comprar o fumeiro transmontano – e nem os caretos faltam à festa

A experimentar

As feiras do fumeiro de Trás-os-Montes sucedem-se, nos próximos dias, com conversas e aulas de cozinha a acontecerem no online. Os enchidos de Bragança, Montalegre e Vinhais compram-se, desta vez, a partir de casa

Em tempos de pandemia, as feiras do fumeiro de Trás-os-Montes mudam-se para o digital. De Bragança a Montalegre, com passagem por Vinhais, há enchidos e carnes fumadas, aulas de culinária com produtos locais, conversas e oficinas online a contrariarem o cancelamento das festas presenciais. Uma delas será o Festival do Butelo e das Casulas que começa nesta segunda, 1 de fevereiro, em Bragança, e se prolonga até ao dia 16. “Com esta edição digital pretendemos reinventar a feira de forma criativa e inovadora”, diz Fernanda Silva, vereadora da cultura, educação e ação social da Câmara Municipal de Bragança. “Ao mesmo tempo”, continua, “é uma forma de apoiar os produtores locais e dinamizar as tradições brigantinas”.

Na plataforma Dott/Ctt, onde estarão representados 17 produtores do concelho de Bragança, é possível encomendar o fumeiro (butelo, salpicões e chouriças), casulas, azeite, vinho, licores, mel e artesanato regional (canivetes e miniaturas de máscaras). Ainda a partir de casa, através do Facebook da autarquia, os apreciadores da gastronomia tradicional poderão aprender como se fazem alguns pratos à base de produtos locais, caso do butelo e das casulas, da castanha e do mel, com a ajuda de algumas cozinheiras que “vão mostrar como se cozinha nas aldeias, à lareira”, acrescenta Fernanda Silva.

Os caretos de Bragança

Continue a ler o artigo em Visão.

Últimas