Madalenas Mármore

A experimentar

Tudo o que é pequeno tem graça”. Ouvia dizer isto muitas vezes, quando era mais nova. E não é que é verdade?

Os bolos, as tartes, os pães, ganham um encanto adicional nas suas versões mini. Será por nos convencerem de que são um pecado menor?😆

MADALENAS MÁRMORE: UM PEQUENO MIMO CONTRA O DESPERDÍCIO

As madalenas já são, “de origem”, um mimo de tamanho reduzido, e o seu formato característico, com as suas ranhuras de concha, tornam-nas ainda mais amorosas.

A ideia para estas surgiu das muitas claras que tinha no frigorífico: sobras das sobremesas de Natal com doce de ovos.

Para que ficassem ainda mais apetecíveis aos olhos e às papilas dos rapazes, resolvi fazê-las numa versão ‘mármore’, juntando um pouco de chocolate e cacau em pó a metade da massa.

Veredicto: voaram em menos de nada!

MADALENAS MÁRMORE

Para 18 unidades

INGREDIENTES

130 g de claras (cerca de 4 claras)

60 ml de azeite extravirgem

100 g de açúcar

115 g de farinha T55 sem fermento

3 gotinhas de extrato de baunilha ou 1/2 colher de café de pasta de baunilha

1 pitada de sal

1 colher de sopa de chocolate em pó

1 colher de chá de cacau em pó

Açúcar em pó qb (opcional)

MÉTODO

Pré-aquecer o forno nos 200º C.

Untar muito bem as formas das madalenas.

Bater as claras em castelo firme com uma pitada de sal

Juntar o azeite e a baunilha, depois o açúcar e por fim envolver a farinha.

Dividir a massa, passando metade para outra taça.

Adicionar a uma das taças o chocolate e o cacau. Envolver bem.

Distribuir as massas pelas formas de madalena, de forma a obter o efeito mármore.

Levar a cozer – uma fornada de cada vez – durante cerca de 6 minutos.

Retirar do forno, esperar uns minutos e desenformar para uma grade de pastelaria para que arrefeçam.

Polvilhar com açúcar em pó antes de servir (opcional).

O artigo foi publicado originalmente em Lume Brando.

Últimas